• Via di San Gallicano, Rome, Italy
  • (39) 06 8992225
  • dream@santegidio.org

Uma história do Malawi – Brilliant, o esplendor da vida

Vejo-o. Até que enfim saiu do hospital …. Pergunto-lhe como está e ele responde com um fio de voz e um lindo sorriso: “Estou bem, obrigado. Estou muito contente. E tu como estás?”. Respondo-lhe: “Bem também eu, obrigado! És muito gentil. Estou muito contente por te ver de novo”. Ele preocupa-se por mim, pergunta-me como me sinto!

Brillant diz que está muito contente. Contente de quê? Tem 14 anos, mas demonstra ter oito, está muito doente. É um nosso paciente, um pequeno paciente do centro DREAM de Blantyre no Malawi. Não anda porque quase que não tem músculos. É tão magro que os seus ossos, cobertos só por uma ligeira camada de pele, se reconhecem com facilidade. E são meses que tem diarreia e vomita.

Mas ele está contente. Saiu do hospital e veio ao centro DREAM para fazer as análises e tomar os medicamentos. Está contente, antes de mais, porque se sente melhor. E depois, porque sente prazer em voltar a ver quem o ama e o recebe com tanta ternura. Está contente também por esperar a sua vez para ver o doutor, o importante é não voltar para o hospital. Connosco, sente-se seguro. Não se lamenta de nada. Por fim, está contente por viver.

Chama-se Brilliant e é um milagre que esteja vivo. Assim diz Piero, um dos médicos italianos que acompanham o trabalho dos empregados malawianos de DREAM.
Aqui todos o conhecem e todos lhe querem bem. É muito conhecido no DREAM. Conhecemo-lo há alguns meses, encontrámo-lo quando já estava muito doente. Mas dedicamo-nos a ele com paixão. Hilda, uma activista do centro, segue-o em casa e no hospital. Fala com os pais, ajuda-os a terem esperança e diz-lhes sempre que Brilliant é esplêndido, que vale tanto ou mais de um brilhante.

Trabalhamos e rezamos para que possa continuar a viver, para que possa estar melhor. Oferecemos-lhe uma bola que deseja há anos. Gostaríamos todos de o ver jogar e correr atrás daquela bola. Hilda afirma que um dia Brilliant tornar-se-á o homem mais importante do Malawi e de todo o mundo…. Para nós, já o é.

Olhando para ele, o nosso coração parte-se em dois, mas ele, com o seu sorriso e a sua esperança volta a recompô-lo e dá-nos como presente um sentimento de gratidão e de alegria. É a alegria da própria vida. A Brilliant basta-lhe viver, a nós nunca chega o nosso bem-estar. Perante Brilliant e o seu lindo sorriso desejaria dizer com força e nunca esquecer que também a mim basta que ele viva.

Facebooktwitterpinterestlinkedinmail