• Via di San Gallicano, Rome, Italy
  • (39) 06 8992225
  • dream@santegidio.org

Category Page: Camerun

Visita da embaixadora de Itália nos Camarões, ao centro DREAM de Nkolondom

P1070950 Nkolondom

No passado dia 7 de Julho de 2016 o centro DREAM de Nkolondom perto de Yaoundé, recebeu a visita da embaixadora de Itália nos Camarões, Senhora Samuela Isopi.
A embaixadora visitou o centro de tratamento que já conta com 450 pacientes em tratamento e o laboratório, que é um dos 3 laboratórios em Yaoundé creditados para efectuar as análises da carga viral para toda a região Centro e Sul do país. Sucessivamente, foi cumprimentar as mães seguidas pelo centro e as respectivas crianças. Já 70 gravidezes de mulheres HIV positivas foram seguidas desde 2015 e, por enquanto, as crianças estão todas saudáveis e não contagiadas pelo vírus graças ao programa de prevenção e tratamento. No fim da visita a embaixadora encontrou-se com alguns representantes das Comunidades de Santo Egídio de Yaoundé e Duala.

Facebooktwitterpinterestlinkedinmail

Camarões: Um novo centro de tratamento DREAM em Yaoundé

yaounde03

Começaram, em Dezembro de 2014, as actividades no novo «Centre DREAM Saint Joseph» em Nkolondom, distrito de Djoungolo, em Yaoundé nos Camarões. O centro de Nkolondom faz parte de um centro médico gerido pelas Irmãs de São José de Girona, que inclui também uma maternidade e um centro de cuidados primários e de saúde para a criança. O centro foi construído em 2013 graças a um financiamento de Manos Unidas Andorra e responde às necessidades de saúde da população desta zona periférica de Yaoundé, onde a prevalência do HIV entre as mulheres grávidas é de cerca de 10% enquanto que as estruturas de saúde mais próximas estão sobrelotadas de doentes. A estrutura poderá oferecer todo o percurso de assistência mãe-filho, graças à nova maternidade e aos ambulatórios onde já se efectuam as vacinas e os tratamentos pediátricos e ao centro DREAM que efectua a prevenção da infecção e oferece o tratamento contra o HIV e as análises de laboratório necessárias para a monitorização. Já são 40 as mulheres grávidas que, testadas positivas, puderam desfrutar dos serviços de diagnóstico de DREAM e da terapia.

Este novo centro DREAM nasce da colaboração entre a Comunidade de Santo Egídio e as irmãs de São José de Girona, fruto de uma amizade que nasceu em Espanha e que continuou com este centro nos Camarões em prol da população mais periférica.

yaounde01

Nos Camarões, a prevalência da infecção entre as mulheres grávidas varia entre os 10% das grandes cidades como Douala e Yaoundé, e os 4% das zonas do extremo norte. Recentemente, o país adoptou a Opção B+ para a prevenção da transmissão mãe-filho, ainda que problemas no fornecimento dos anti-retrovirais tenham retardado a sua difusão no território.

O programa DREAM da Comunidade de Santo Egídio está presente no país desde 2008, com o centro DREAM de Dschang, na região Oeste, que tem sob tratamento mais de 1300 pacientes. Também o Centro DREAM de Dschang nasce da colaboração com uma congregação religiosa, a das Filhas da Caridade, que está presente há muitos anos na região com o Hospital de St. Vincent de Paul. Os pacientes provêm de toda a região através de um passa-palavra sobre a qualidade da assistência e sobre o acolhimento recebido; em particular, é muito conhecido o programa de prevenção mãe-filho que permitiu fazer nascer mais de 400 crianças sem SIDA. Todos os anos festejam-se no centro todas as crianças que fazem o último teste de exclusão de seropositividade no qual participam de bom grado familiares e outros pacientes, porque é uma boa notícia e uma esperança para todos. Dschang encontra-se numa zona montanhosa e é, muitas vezes, difícil alcançar as zonas rurais. Em 2014, através de uma ajuda recebida da Fundação Porticus, foi possível comprar um carro para aumentar as actividades de sensibilização nas aldeias e as consultas a domicílio para os pacientes mais frágeis, entre os quais as crianças seropositivas (70 as seguidas pelo centro).

yaounde02

Facebooktwitterpinterestlinkedinmail

Dchang, Camarões – Inauguração do Movimento Je DREAM

No passado 27 de Outubro de 2009, realizou-se no centro DREAM de Dschang, nos Camarões, a assembleia de inauguração do Movimento Je DREAM.

Estavam presentes cerca de 60 pessoas: mulheres e homens na sua grande maioria seropositivos, muitos com uma longa história de doença e de sofrimento, mas também muitas mães que, graças ao programa de prevenção vertical deram à luz uma criança sã.

Foi um momento de alegria e de festa, uma ocasião, como disseram muitos, para se libertarem dos sentimentos de culpa e de vergonha ligados à doença.

Alguns manifestaram o próprio orgulho por se unirem a um movimento tão vasto. Enquanto que outros exprimiram a própria felicidade por terem encontrado uma família acolhedora.

O movimento Je DREAM propõe-se de sensibilizar as pessoas sobre a possibilidade de tratar a SIDA.

Quer combater a estigmatização que muitas vezes torna a vida dos doentes ainda mais difícil.

O centro DREAM de Dschang, gerido pelas Filhas da Caridade, começou a sua actividade em Maio de 2008 e, actualmente, tem em tratamento cerca de 500 pessoas.

 

 

Facebooktwitterpinterestlinkedinmail

Yaoundé, Camarões – Apresentação do Programa DREAM na Conferência Episcopal

No passado dia 27 de Junho, o Programa DREAM foi apresentado em Yaoundé à Conferência Episcopal dos Camarões, reunida na sua assembleia plenária.

Foi uma ocasião para dar a conhecer de maneira mais detalhada o Programa – sobre o qual já se tinha falado não só no período da inauguração do centro DREAM de Dschang, gerido juntamente com as Filhas da Caridade, mas também e, sobretudo, por ocasião da visita apostólica de Bento XVI, que se tinha encontrado com os operadores e os doentes do próprio centro – a toda a Igreja dos Camarões.

A apresentação causou muito interesse e suscitou vários pedidos de colaboração por parte de alguns bispos e de numerosas congregações religiosas, todos desejosos de alargar também nas próprias dioceses ou nos próprios centros de tratamento, uma experiência do género, ao serviço dos doentes de SIDA.

Na verdade, nos Camarões, os tratamentos são assegurados só a pagamento e muitos são os pacientes que não conseguem desfrutar da terapia, além dos que, depois de terem iniciado a primeira fase do tratamento, não têm possibilidades de continuar a suportar o respectivo custo.

Neste sentido, a perspectiva indicada por DREAM parece particularmente feliz e oportuna, um motivo de esperança para todos os que precisam e para os que se preocupam.

E o nascimento em Dschang da primeira criança sã no âmbito do programa de prevenção vertical foi um ulterior sinal que ajuda a olhar com confiança para o futuro.
 

 

Facebooktwitterpinterestlinkedinmail

Yaoundé, Camarões
O Papa Bento XVI: “DREAM! Um sonho que se tornou realidade!”.

“DREAM! Um sonho que se tornou realidade!”. Com estas palavras, o Papa Bento XVI saudou a delegação da Comunidade de Sant’Egidio no fim de um encontro em Yaoundé, nos Camarões, referindo-se ao programa de luta contra a SIDA da Comunidade em África.
Hoje, no segundo dia da sua primeira visita em África, o Papa Bento XVI encontrou-se em Yaoundé, nos Camarões, com uma numerosa delegação da Comunidade de Sant’Egidio, formada pelos participantes no curso DREAM da África francófona, acompanhados pelos representantes das Comunidades nos Camarões.


Guinéus, congoleses e camaroneses acolheram calorosamente o Papa com cantos e aplausos. O encontro realizou-se na Nunciatura onde o Papa reside nestes dias, no Monte Febé, que domina a cidade.

Depois de ter saudado afectuosamente os presentes, Bento XVI disse “falei de vocês e do vosso trabalho contra a SIDA, durante a viagem”. “Conheço o vosso trabalho – continuou – e tudo o que fazeis. Rezo por vós. Rezai também por mim”.
Foram apresentados ao Papa os participantes do curso e ilustradas as novidades e os sucessos do programa DREAM em África, presente em 10 países do continente. Uma particular atenção foi posta no tratamento completo e gratuito, verdadeira resposta ao desafio da SIDA. O tratamento também é a verdadeira prevenção.
Despedindo-se, o Papa deixou uma saudação de bom augúrio: “DREAM! Um sonho que se tornou realidade!”. Na noite anterior, os participantes no curso, juntamente com as comunidades dos Camarões tinham aclamado o Papa quando chegou a Yaoundé com dísticos de boas-vindas e cantos à sua passagem.

FOTO GALLERY
 

Facebooktwitterpinterestlinkedinmail

Dschang, Camarões – Inaugurado o novo centro DREAM

Na manhã do passado dia 3 de Março, realizou-se em Dschang, nos Camarões, a inauguração de um novo centro DREAM, o primeiro do país. Será gerido pela Congregação das Filhas da Caridade em colaboração com a Comunidade de Sant’Egidio.

Dschang é uma cidade de quase 100.000 habitantes, entroncamento importante da província de Bafoussam, no oeste dos Camarões. Situada a 1500 metros de altitude numa área muito povoada, Dschang foi, desde o início de Novecentos a meta de muitos missionários europeus, primeiro alemães e depois franceses. Ainda hoje são muitas as congregações religiosas presentes na zona.

As Filhas da Caridade chegaram em finais dos anos 60, abrindo, primeiro um orfanato e depois, um hospital (precisamente o que acolhe o centro DREAM), hoje, o mais importante da área, com secções de cirurgia, maternidade, pediatria.

A inauguração do centro DREAM realizou-se na presença do bispo de Bafoussam, do Secretário-geral do Ministério da Saúde, das autoridades civis e sanitárias locais, além de numerosos cidadãos de Dschang. Estava também presente uma numerosa delegação das Filhas da Caridade, provenientes de muitas províncias do país.

O bispo agradeceu a Comunidade de Sant’Egidio e as Filhas da Caridade por terem criado um centro de excelência para o tratamento da SIDA e a prevenção vertical. O centro atenderá adultos, mulheres grávidas e crianças. Será um centro de referência para todos os Camarões, sobretudo para a prevenção vertical, tal como evidenciou o Secretário-geral do Ministério da Saúde.

A Irmã Wivine Kisu, Conselheira Geral para a África da Congregação das Filhas da Caridade, que veio de propósito de Paris, recordou a já longa colaboração – em muitas realidades africanas: Moçambique, Quénia, Nigéria, República Democrática do Congo – entre a própria Congregação e Sant’Egidio seja no que se refere à formação, seja no que se refere à gestão dos centros.

Os representantes da Comunidade, por sua vez, insistiram sobre o facto de a África precisar de centros como o que acabou de ser inaugurado, centros que ofereçam uma esperança nova a muitos doentes.

Facebooktwitterpinterestlinkedinmail

  • 1
  • 2